• VOLTAR
  • IMPRIMIR
  • ENVIAR
  • A+ A-
Equipe de Corrosão do Cepel inicia ciclo de cursos 2017 sobre Inspeção de Pintura Anticorrosiva

Notícias

Equipe de Corrosão do Cepel inicia ciclo de cursos 2017 sobre Inspeção de Pintura Anticorrosiva

23-05-2017

 
 
 
No final de abril, a equipe de Corrosão do Cepel ministrou nova edição do curso de Fundamentos de Inspeção de Pintura Anticorrosiva. Realizado na Unidade Fundão do Centro, o módulo teve o objetivo de capacitar 18 participantes nos requisitos de qualidade em serviços de pintura anticorrosiva de manutenção de estruturas e/ou equipamentos.
 
Composta por colaboradores da Eletronuclear, de Furnas e do próprio Cepel, a turma pôde pôr em prática os conhecimentos adquiridos na parte teórica do curso, realizando exercícios de inspeção em estruturas instaladas no Centro. A parte prática se constitui num diferencial  do curso ministrado pelos  pesquisadores Alberto Ordine, Cristina Amorim, Elber Bendinelli, do Departamento de Materiais, Eficiência Energética e Geração Complementar (DME), e pelo técnico Marcos Sá, do Departamento de Laboratórios do Fundão.
 
Reaproximação com o setor nuclear
 
Segundo Alberto Ordine, havia anos que o Cepel não recebia demandas de trabalhos da Eletronuclear. Recentemente, porém, a equipe de Corrosão esteve na usina Angra 3, avaliando as condições de proteção anticorrosiva das estruturas, e, durante o contato, os especialistas do Centro divulgaram o curso, que despertou interesse nas gerências operacionais da empresa.
 
A Eletronuclear inscreveu seis participantes nesta edição do curso e já tem uma lista de interessados para a próxima, a ser realizada em agosto. “O curso representou uma reaproximação da Eletronuclear com a área de Corrosão do Cepel, pois a empresa reconhece muito bem a importância das boas práticas de proteção anticorrosiva em suas estruturas e equipamentos”, concluiu Ordine.
 
Leia também
Empresas Eletrobras apresentam normas para tratar a corrosão de forma eficiente
 
Cepel realiza primeiro Workshop de Corrosão para o Setor Elétrico do Brasil
 
Boa avaliação
 
Um dos participantes da Eletronuclear, Sérgio Barreiros, da Gerência de Inspeção e Ensaios da empresa, comentou sobre a experiência. “Foi muito positiva, pois o corpo docente, além do domínio no tema, soube dimensionar de forma adequada as apresentações teóricas e práticas. Todas as atividades foram bem trabalhadas”.
 
O engenheiro mecânico trabalha na área de Controle da Qualidade e ressaltou que grande parte das atividades da sua gerência está relacionada à preservação de componentes mecânicos e estruturas civis, áreas “onde a proteção anticorrosiva é mandatória, considerando que o ambiente dos mesmos é de alta agressividade pelas intempéries locais e marinhas extremamente carregadas de cloretos”, explicou. Barreiros afirmou quesentia necessidade de mais conhecimentos sobre proteção anticorrosiva, e  o curso lhe deu essa oportunidade.
 
Outro participante a comentar a experiência foi Pedro Henrique Tancredo Campos, da Divisão de Transmissão de Furnas. “Como engenheiro mecânico trabalhando com manutenção de estruturas metálicas, a corrosão faz parte do meu dia a dia, e foi através da indicação de um colega da Divisão que tomei conhecimento do curso. É bastante abrangente, aborda todo o processo de pintura anticorrosiva, desde a especificação das tintas, preparo das superfícies, metodologias de aplicação, sempre contextualizando os temas com as normas vigentes e boas práticas de mercado”, disse o engenheiro.
 
Campos também  destacou os ensaios a que são submetidos os abrasivos e as tintas. “Esse tipo de atividade contribui bastante para o entendimento dos parâmetros do esquema de pintura e possibilita a elaboração de especificações de melhor qualidade”. O engenheiro ainda mencionou o interesse pelos formulários apresentados para documentação das etapas do esquema de pintura e também para inspeção voltada à caracterização do estado de corrosão dos materiais.
 
 
 
Atividades intensas desde o ano passado
 
Este curso  foi o primeiro ministrado pela Equipe de Corrosão do Cepel em 2017, após um  2016 pleno de realizações importantes, como a conclusão da elaboração e lançamento das Normas Eletrobras de Pintura Anticorrosiva das Empresas Eletrobras e a realização do primeiro workshop de Corrosão voltado especificamente para o setor elétrico do Brasil. Ainda em 2016, foram ministrados diversos cursos para outras empresas do Sistema. Neste ano, a equipe segue realizando os cursos e outras atividades. Interessados podem encontrar informações na seção de cursos do site do Cepel.