• VOLTAR
  • Imprimir
  • ENVIAR
  • A+ A-
Em homenagem póstuma, Juarez Lopes, ex-assessor da Diretoria Geral do Cepel, é nomeado Embaixador do Vento 2020

Detalhes: Notícias

Em homenagem póstuma, Juarez Lopes, ex-assessor da Diretoria Geral do Cepel, é nomeado Embaixador do Vento 2020

27-10-2020

Durante a abertura do Brazil Windpower 2020, hoje (27), Juarez Castrillon Lopes, ex-assessor da Diretoria Geral do Cepel, foi nomeado Embaixador do Vento 2020 pela presidente da Associação Brasileira de Energia Eólica – ABEEólica, Elbia Gannoum. Uma homenagem póstuma ao engenheiro eletricista, considerado um dos grandes entusiastas da energia eólica no Brasil, que faleceu este ano, vítima de covid-19. Um dos grandes legados de Juarez, além do sorriso franco e carinhoso, foi o sistema de acompanhamento de medições anemométricas AMA, que proporcionou ao Brasil condições de elaborar, com mais confiabilidade, os estudos de planejamento do sistema elétrico diante de uma participação cada vez maior da fonte eólica no país.


Vários colegas de trajetória prestaram seu reconhecimento, em vídeo, a Juarez, tido como um apaixonado pelos ventos e pelo setor elétrico brasileiro. O diretor-geral do Cepel foi um deles. “Juarez era dessas pessoas raras com quem tive a honra e o privilégio de conviver e trabalhar durante anos. Em Furnas, na EPE, na Eletrobras e, mais recentemente, no Cepel. Profissional de extrema competência, com longa trajetória no setor elétrico brasileiro, trabalhou em diversos projetos de destaque. Em particular, queria mencionar o desenvolvimento da base de dados anemométricas AMA, que, nos anos 2010, veio preencher uma grande lacuna. Sempre se soube que o Brasil tinha um grande potencial, especialmente no Nordeste, mas carecíamos de dados, especialmente para o planejamento da expansão do sistema, da oferta, e para o planejamento da operação do sistema. E, nisso, o Juarez fez um trabalho brilhante. Esta é uma grande contribuição que ele deixou. É um dos legados do nosso querido amigo Juarez”.


Elbia Gannoum fechou o ciclo de homenagens. “Juarez Lopes, sempre me virá a imagem do seu sorriso, do seu bom humor, da sua animação, todas as vezes em que nós nos encontramos discutindo as questões do setor eólico. Seja no Brasil, seja lá fora, você sempre exerceu esse papel de embaixador. Trouxe para nós muita contribuição. Em todas as discussões que fizemos do aparato legal, regulatório, do setor eólico, você esteve presente. Você realmente trouxe uma grande contribuição para a indústria de energia eólica do Brasil e nós somos gratos pelo seu trabalho. Muito obrigada, Juarez. E receba a nossa homenagem, o título de Embaixador do Vento 2020”.


A abertura desta edição do Brazil Windpower, 100% digital, contou com a participação do ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque; de Marco Basso, CEO da Informa Markets; de, Ben Backwell, CEO da GWEC; de Fernando Elias, chairmam of the board da ABEEólica; e de Elbia Gannoum CEO da ABEEólica. Em 2020, o congresso tem como tema “Transformação energética: um futuro verde, livre e tecnológico”.


Painel Inovação e Cadeia Produtiva


O diretor-geral do Cepel, Amilcar Guerreiro, será o moderador do Painel “Inovação e Cadeia Produtiva”, que acontecerá no terceiro dia do evento, 29 de outubro, das 10h às 12 horas. Participarão como debatedores: Brian Pitel, diretor de Supply Chain para Onshore Wind na América Latina da GE; Julio Cesar Pinheiro Goes, diretor de Supply Chain da Siemens Gamesa; Eric Rodrigues, diretor de Vendas da Vestas; Marcelo Costa, diretor de Compras da Nordex Acciona; e João Paulo Silva, diretor superintendente da WEG Energia.


Clique aqui para conferir a programação do evento.