• VOLTAR
  • Imprimir
  • ENVIAR
  • A+ A-
Cepel participa de workshop internacional sobre eficiência energética de lâmpadas e luminárias LED

Detalhe: Notícias

Cepel participa de workshop internacional sobre eficiência energética de lâmpadas e luminárias LED

28-03-2019

A convite do Physikalisch-Technische Bundesanstalt (PTB), Instituto Nacional de Metrologia da Alemanha, a pesquisadora do Departamento de Laboratórios do Fundão Alessandra Barbosa representou o Cepel no LED Workshop. Promovido pelo PTB, entre 18 e 20 de março, em Montevideo, Uruguai, o evento contou com apoio do Ministério da Indústria, Energia e Minério do Uruguai e da Universidade de La Republica. O workshop encerrou a primeira fase do projeto de cooperação técnica voltado ao fortalecimento das capacidades de medição e dos processos de avaliação da conformidade das instituições técnicas de países-membros do Mercosul para a Etiquetagem em eficiência energética de eletrodomésticos (Projeto 95301 MERCOSUR – PTB). O Cepel participou da iniciativa, ministrando treinamentos. Saiba mais.

 


O workshop teve como objetivo nivelar os conhecimentos dos países membros do Mercosul quanto aos procedimentos de avaliação da conformidade e técnicas de ensaio para declaração de eficiência energética de lâmpadas e luminárias LED. Dentre outros temas, foram abordados os conceitos básicos de fotometria, colorimetria, espectrorradiometria (avaliação do espectro eletromagnético visível, cujos comprimentos de onda variam de 370 a 750 nanômetros) e incertezas de medição. Também foram apresentados métodos e normas de fotometria de lâmpadas de referência, bem como normas de calibração de lâmpadas LED.

 


Um dos pontos altos do evento, na opinião de Alessandra, foi ter esclarecido os métodos de medição para lâmpadas e luminárias LED utilizados na Europa e os requisitos para que sejam equivalentes no mundo inteiro. “No Brasil, atualmente é adotado o padrão americano. Porém, estamos desenvolvendo um trabalho de comparação entre os dois métodos, avaliando as vantagens e desvantagens de cada um, para discussão com a Eletrobras, Inmetro e comissão de estudos do Cobei/ ABNT. Creio que o trabalho possa viabilizar uma parceria com os demais membros do Mercosul, bem como o aumento da prestação de serviços laboratoriais para esses países”, assinala.

 


Destaque para o Brasil


Além de palestras ministradas pelos instrutores do PTB Thorsten Gerloff e Armim Sperlling, o workshop contou com discussões em grupos (por países), quando cada participante apresentou sua organização, práticas e experiências no tema. O representante do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro), Marcelo Carvalho, falou em nome do Brasil, que, dentre os países do Mercosul, é o que possui melhor infraestrutura laboratorial em se tratando de iluminação a LED.

 


Existem três laboratórios capacitados para ensaios em lâmpadas LED na Argentina, enquanto o Paraguai e o Uruguai possuem, cada um, um único laboratório. Nenhum desses três países possui goniofotômetro, equipamento fundamental para a determinação das curvas fotométricas de luminárias LED, determinação da intensidade máxima, ângulo de abertura do facho luminoso, entre outras grandezas importantes para a caracterização de lâmpadas e luminárias LED.

 


O Brasil está bem capacitado nessa área, contando com oito laboratórios com serviços acreditados pelo Inmetro. Dentre eles, o Laboratório de Iluminação do Cepel, “que possui os mais modernos equipamentos, inclusive um goniofotômetro de grande porte, estando plenamente capacitado para realização de medições e ensaios em luminárias e lâmpadas LED”, como assinala a pesquisadora Alessandra Barbosa, que apresentou a infraestrutura aos instrutores do PTB Thorsten Gerloff e Armim Sperlling no último dia 28.

 

Participaram do evento representantes de órgãos governamentais, universidade e instituições de metrologia e acreditação do Uruguai, Paraguai, Argentina e Brasil.