• VOLTAR
  • IMPRIMIR
  • ENVIAR
  • A+ A-
Técnicas Computacionais Aplicadas à Área Energética

Apresentação

A linha de pesquisa "Técnicas Computacionais Aplicadas à Área Energética" visa à aplicação de técnicas de processamento distribuído, a partir da definição de estratégias de paralelização a serem adotadas nos modelos computacionais do Departamento de Otimização Energética e Meio Ambiente, para utilização dos programas em ambiente de alto desempenho com redução significativa de tempo de execução.  Visa ainda ao desenvolvimento de modelos, algoritmos e facilidades computacionais para integração dos programas da área energética.

 

A implementação de estratégias de paralelização, realizadas através de mensagens MPI (“Message Passing Interface”), reduz, de forma significativa, o tempo de execução dos programas computacionais, agilizando a obtenção de resultados e os aprimoramentos na modelagem matemática dos modelos computacionais. Já a integração dos programas facilita sua atualização, a compatibilidade dos dados utilizados entre dois ou mais modelos computacionais, além da obtenção de resultados gráficos.

 

Esta linha de pesquisa utiliza a infraestrutura do Labcin e é correlata às linhas "Meio Ambiente";  "Planejamento da Expansão Energética"; "Planejamento da Operação Energética"; "Hidrologia Estocástica, Recursos Hídricos e Ventos";  Análise Financeira de Projetos e Tarifas.

 

Dentre os programas computacionais desenvolvidos sob esta linha de pesquisa estão o PRODIS (Aplicação de Técnicas de Processamento Distribuído nos Programas do DEA) e o ENCAD (Sistema de Encadeamento de Modelos Energéticos).

Contato

Entre em contato com a área responsável através do e-mail:


 dea@cepel.br

Programas Computacionais